Quando você recomenda algo pra alguém, você espera que aquela pessoa goste ou não goste desse algo. Porém, no caso de A Lista de Schindler, a opção “não gostar” praticamente não existe.

Um drama baseado em fatos reais, que conta a história de Oskar Schindler, um influente alemão do partido nazista que se compadece dos judeus na Segunda Guerra. Então, Schindler procurava montar uma fábrica em uma cidade localizada na atual Polônia. Como ele possuía muito poder no partido nazi, subornava membros do partido para comprar judeus para trabalhar em sua fábrica. Com isso, as vidas de muitos judeus eram salvas, já que o destino anterior deles seriam os campos de concentração.

Pouco mais de 1000 judeus foram salvos por Schindler, que batalhava contra a opressão dos nazistas. O filme desperta tão interesse, que mesmo em preto e branco, revela visuais incríveis.

A Lista de Schindler

Algumas cenas pesadas, como a entrada de mulheres e crianças em câmaras de gás, queima de judeus no forno nazista, torturas entre outros, representavam com perfeição a crueldade na época. Durante o filme, temos vislumbres das moradias, dos tratamentos entre os oficiais nazistas, além do funcionamento daquele governo. O figurino escolhido, a fotografia desse longa é algo de se aplaudir de pé para um filme de 1993.

É claro que não podemos deixar de destacar os aspectos de produção do filme. A direção e produção incríveis de ninguém menos que Steven Spielberg, elevaram o nível dos filmes sobre guerras. A genialidade de John Williams na produção da trilha sonora, também pode ser vista a cada momento dramático e de tensão do filme. O elenco, com um Liam Neeson ainda no início de sua carreira, mas com uma interpretação incrível de Oskar Schindler. Ben Kingsley, também teve um papel essencial no filme.

A Lista de Schindler

A Lista de Schindler, apesar de desconhecido pelo público em geral, ganhou inúmeros prêmios, incluindo 7 Oscars. Sendo esses: Oscar de Melhor Trilha Sonora, Melhor Diretor, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Fotografia, Melhor Direção de Arte, Melhor Montagem e Melhor Filme. Se você acha que ficou só nos Oscars, ‘achou errado, otário!’. O filme ainda ganhou 7 BAFTAs, 3 Globos de Ouro e mais 9 prêmios de outros sindicatos.

Veja também: Recomendação | Uma Noite de 12 Anos