A empresa Netflix após dois meses de protestos do público, resolveu substituir a cena do longa “Bird Box”, que aparece imagens reais da tragédia ferroviária que ocorreu em 2013, deixando cerca de 47 pessoas mortas, em Quebec, no Canadá.

A Plataforma de streaming disse que a decisão de substituir a cena foi tomada juntamente com os cineastas e lamentaram ter causado qualquer dor a comunidade. A declaração foi dada ao site de notícias TheWrap, na tarde de quinta-feira (14).

“A Netflix e os cineastas da ‘Bird Box’ decidiram substituir o clipe. Lamentamos qualquer dor causada à comunidade de Lac-Megantic ”, disse. Mesmo com o comunicado oficial, a empresa não informou o motivo para tal ação.

Nathalie Roy, ministra de Cultura e Comunicação no Quebec, enalteceu a decisão da empresa, através de um tweet.

“O movimento era esperado pelo respeito pelas vítimas desta tragédia horrível, suas famílias e toda a comunidade de Lac-Mégantic”, disse a ministra. “Esse resultado mostra que, ao se unir e unir nossos esforços, tudo é possível.”

Bird Box

Ainda segundo o portal de notícias, em janeiro, o parlamento do Canadá, votou por condenar o Netflix e exigiu que fossem removidas as imagens do catálogo de ficção e solicitou indenização para os cidadãos da cidade de Lac-Mégantic, em Quebec.

Por sua vez, a Netflix pediu desculpas através de uma carta ao ministro canadense, mas informou que não havia planos de retirar as imagens do filme.

Um outro caso, envolvendo as mesmas imagens, foi um episódio da série “Travelers” também do catálogo da Netflix. A filmagem do acidente foi fornecida pela empresa terceirizada, a imagem foi retirada da série, mas não de “Bird Box”.

Em breve, a cena de suspense de terror, de Sandra Bullock, envolvendo acidente não constarão mais no longa disponibilizado na plataforma da Netflix.

Tragédia

O caso aconteceu em 2013, um trem que transportava petróleo acabou explodindo, em sua passagem por um povoado da província do Canadá de Quebec. O acidente ocorreu devido descarrilamento do trem de carga no centro da cidade e acabou com vários vagões explodindo na área onde residiam pessoas, cerca de 47 pessoas mortas.

O trem pertencia a companhia The Montreal Maine & Atlantic e contava com cinco locomotivos e 77 vagões, no momento transportava petróleo da Dakota do Norte, Estados Unidos.

Veja também: Transformers: O Último Cavaleiro e Bumblebee devem ganhar sequência