Em casa  eu tenho uma televisão com dois dedos de espessura; o que passa nela? Lixo.

Uma maravilha tecnológica para passar programas de culinária.

Adolf Hitler disse, mais ou menos, a frase acima em uma das aparições que ele fez num dos tantos programas semanais que exigem a sua presença.

Baseado no livro de mesmo nome, o filme Ele está de Volta conta a história de Adolf Hitler, a figura folclórica da indústria pop que uma vez, não sei se alguém lembra, já foi um perigoso e famoso estadista, ele acorda em 2014 e resolve avaliar como andam as coisas. 

Ele está de Volta brinca com o formato cinematográfico para expor o público aos ideais nazistas. Usando de técnicas que misturam documentário com ficção o filme encarna o papel de um amigo íntimo e racista.

Você está em uma reunião de amigos e alguém começa a contar piadas preconceituosas. Nós não sabemos quem vai ser o primeiro a ter coragem de rir, mas sabemos que todos vão chorar de gargalhar depois dele.

Pois bem, o filme aponta a câmera para essa reunião.

Com uma estrutura cinematográfica que mistura depoimentos reais (colhidos em 2013/2014) com cenas ensaiadas, o projeto é uma fábula que visa demonstrar como 1933 e 2014 (por que não, 2017) andam de mãos dadas.

Oliver Mansucci dá vida a um Adolf Hitler que transita entre o relaxo escatólogico de um Inri Cristo e a frieza inteligente do filme A Queda (existe uma referência maravilhosa a uma das cenas mais famosas do filme de 2004).

A produção passa longe da sofisticação, o que não tira a força do filme. Os produtores souberam brincar com o mix entre documentário e ficção criando uma atmosfera de incerteza com toques ridículos.

O público ainda terá de lidar com um filme, dentro do filme, dentro do documentário, e neste momento você percebe a engenhosidade da narrativa. Não teria outra maneira de colocar um sujeito vestido de Adolf Hitler no meio da Alemanha em pleno ano de 2014.

Leve, bem humorado, bonachão, mas que te faz pensar. Com estes adjetivos que é possível definir o filme Ele está de Volta. Uma comédia com cara de crítica, uma crítica com jeito de besteirol e um besteirol com a inteligência de um documentário.

 

Para mais informações e fica técnica: http://www.imdb.com/title/tt4176826/