Crítica | De Encontro com a Vida

Produção alemã de "comédia dramática romântica" tem tudo para agradar aos mais exigentes. (📷 StudioCanal / Olczyk Jürgen)

0
31
Anúncio Publicitário

Baseado em uma história real, De Encontro com a Vida fala da vida de Saliya Kahawatte, filho de imigrantes, ele sonha em fazer cursos e trabalhar nos melhores hotéis da Alemanha.

A grande complicação da sua vida surge quando ele descobre que possuí uma particularidade nos genes, responsável por um descolamento da sua retina, o resultado: perda de 95% da visão.

Dedicado a não abrir mão dos seus objetivos e não desviar-se um milimetro do percurso que ele imaginou para si, Kahawatte resolve completar os estudos na sua escola comum (não em uma para portadores de necessidades especiais).

Créditos: StudioCanal / Olczyk Jürgen
📷 StudioCanal / Olczyk Jürgen

Se a escola já não foi fácil, o mercado de trabalho é quase insuperável. No início, Kahawatte contava aos seus analisadores sobre a sua deficiência, contudo, após perceber que eles jamais lhe dariam o emprego, resolve treinar os seus modos em casa com o objetivo de disfarçar completamente a sua condição.

Pronto, temos o nosso filme. Um jovem cheio de sonhos e ambições, 5% da visão e uma determinação a não deixar ninguém descobrir a sua deficiência.

Créditos: StudioCanal / Olczyk Jürgen
📷 StudioCanal / Olczyk Jürgen

Qual é o resultado?

De Encontro com a Vida é um filme delicioso, repleto de boas mensagens e cenas engraçadas. Uma produção alemã que trata de todo o contorno do drama com um realismo bem humorado.

Não é um daqueles filmes de comédia fácil, cenas nonsense e história em segundo plano. Muito longe disso, a vida de Saliya passa por transformações dramáticas e os seus problemas vão se desenrolando em acontecimentos angustiantes, contudo, a força do filme está na coragem e na superação do protagonista, que, ao encontrar apoio nas pessoas queridas, desenha uma história inspiradora.

Apesar de ser notadamente motivacional, o filme possui diversas camadas de tensão que encontram voz nos mais exigentes espectadores. Comédia, romance, drama, realismo e redenção, todos os quesitos estão presentes, bem encaixados e bem distribuídos. O roteiro funciona perfeitamente.

📷 StudioCanal / Olczyk Jürgen

É sempre bom poder assistir a produções que estão fora dos grandes circuitos de cinema, De Encontro com a Vida funciona em todos os aspectos. Uma curiosidade, o título em alemão é algo como Meu encontro cego com a vida, fazendo uma analogia a expressão Blind date (escolhida para ser o título nos países de língua inglesa), ou seja, mais uma vez, um título brasileiro passando longe de expressar o desejo dos realizadores.

O romance do filme também não comete o erro de cair nos moldes do clichê. Por estar baseado em fatos reais, a própria construção do casal é feita sem polimento, sem aquele verniz dos romances dos contos de fadas. Ela (Anna Maria Mühe, com a personagem Laura) possui suas histórias de vida e até um filho de outro relacionamento, ele, bem… para saber como ele se comporta você vai ter que ver o filme.

Aí você vai assistir ao filme e me falar “Ah, vai, esse filme foi real?” Olha só, não é um documentário contando passo a passo de uma vida, mas é sim um filme muito bem assentado em cenas plausíveis. Dúvida? Vá ver um romance de Hollywood.

📷 StudioCanal / Olczyk Jürgen

Excelente na construção da narrativa, ótimo na apresentação das personagens, com atuações convincentes e um arco dramático que, embora centralizado, funciona muito bem e não deixa pontas soltas.

Kostja Ullmann faz o personagem principal, Jacob Matschenz é Max (um personagem hilário). O terrível e exigente Kleinsschimidt é interpretado por Johann von Bülow. (não falei dele? Eu sei, veja o filme, só veja o filme)

De Encontro com a Vida estréia no dia 20 (sexta-feira) e lógico, vá assistir a esse filme. Divertido, leve, fácil e ótimo para fugir um pouco da fórmula do cinema (nada contra Hollywood, mas é sempre bom curtir outros sabores).

Já viu o filme? Concorda comigo? Discorda? Deixa o seu comentário, eu estou sempre lendo e conversando com vocês, obrigado.

Assista ao trailer: